70-417   , 810-403   , 1V0-601   , 300-080   , JN0-332   , 350-030   , 70-486   , JN0-633   , HP0-S42   , LX0-104   , 70-411   , 220-802   , 100-105   , 1Z0-051   , 70-534   , MB6-703   , OG0-093   , 70-533   , 000-017   , 300-206   , 1Y0-201   , 1Z0-808   , 200-105   , 9A0-385   , 70-980   , 70-697   , 000-104   , 1Z0-061   , N10-006   , CQE   , 220-801   , 070-410   , ADM-201   , 070-331   , 642-996   , 117-202   , 210-260   , 700-505   , 642-999   , CAS-002   , 70-487   , C2010-595   , 300-085   , 70-413   , JN0-343   , 70-270   , VCP550   , 101-400   , 700-260   , 000-105   , 350-001   , OG0-091   , MB2-708   , 300-320   , 70-480   , 300-101   , 600-455   , 70-680   , ICBB   , 070-487   , API-580   , 200-310   , EX200   , 599-01   , CISM   , 350-018   , 9L0-012   , 1Z0-804   , 700-037   , 300-209   , 640-692   , c2010-652   , 98-365   , PK0-003   , 70-412   , 70-332   , 70-410   , SY0-401   , 300-135   , 600-460   , 70-494   , 2V0-620   , 210-060   , 2V0-621D   , 350-080   , PMI-001   , c2010-657   , 102-400   , 1K0-001   , 98-364   , 3002   , AND-401   , 117-201   , 600-199   , 1Z0-060   , 70-246   , EX300   , M70-101   , 210-065   , 352-001   , 2V0-621   , MB5-705   , 350-050   , 70-488   , 70-243   , 101   , 642-997   , 1z0-808   , 1Z0-144   , 70-466   , CRISC   , JK0-022   , PMI-100   , 1Z0-803   , 70-461   , 3I0-012   , 700-501   , ICGB   , 70-177   , CBAP   , CISSP   , NS0-157   , 000-106   , 210-451   , MB2-704   , 70-483   , 70-462   , 070-462   , 70-463   , 70-178   , 70-347   , SSCP   , 400-101   , 000-080   , CCA-500   , 400-351   , 300-115   , JN0-360   , LX0-103   , 642-998   , 70-981   , HP0-S41   , 642-732   , 300-208   , 500-260   , 640-875   , 400-201   , CISA   , 74-678   , 1Z0-067   , 400-051   , 74-343   , 000-089   , 070-461   , 70-532   , 070-466   , 070-483   , 70-346   , 200-125   , 350-060   , MB6-702   , 1Z0-062   , 300-070   , MB2-707   , CAP   , 640-911   , JN0-102   , 640-916   , 350-029   , 300-075   , AX0-100   , 640-916   , 1Z0-067   , 70-411   , SSCP   , 300-085   , 810-403   , 70-412   , HP0-S41   , 70-680   , 70-486   , 117-201   , 070-466   , JN0-633   , 350-029   , MB2-704   , 100-105   , JN0-102   , CRISC   , 210-065   , MB6-703   , 70-494   , SY0-401   , 300-320   , 1Z0-067   , 350-060   , 700-505   , 70-534   , 70-463   , 2V0-620   , 74-678   , 70-466   , 000-089   , 1Z0-808   , N10-006   , 810-403   , JK0-022   , 1Z0-060   , JN0-633   , 300-320   , 1K0-001   , 70-486   , 117-202   , 70-243   , 70-488   , CAP   , 2V0-621D   , 210-060   , PMI-100   , OG0-093   , 300-206   , 1Z0-060   , MB6-702   , JN0-102   , 3002   , 600-460   , 300-320   , VCP550   , SSCP   , API-580   , 1Z0-067   , 70-410   , 300-115   , 642-997   , PMI-001   , 300-208   , JN0-102   , 70-980   , 000-104   , 1Z0-051   , 101-400   , 1Z0-068   , CAS-002   , JN0-360   , CQA   , 70-177   , 350-050   , 70-347   , 70-411   , NSE7   , 300-135   , 70-532   , ADM-201   , 70-981   , 70-480   , 100-101   ,

Incompatibilidade RH: Negativo, positivo

Incompatibilidade RH: Negativo, positivo

Indíce do artigo
Incompatibilidade RH: Negativo, positivo
Página 2
Todas as páginas

ImageDiana faz hoje um mês, mas ainda mal teve tempo de habituar-se à sua nova casa. Passou as primeiras três semanas de vida na maternidade Bissaya Barreto, em Coimbra. Nasceu com icterícia e níveis preocupantes de anemia. Os primeiros dias viveu-os entre incubadoras, sessões de fototerapia com raios ultra-violeta, colheitas de sangue e ameaças de transfusão. A genética pregou-lhe uma partida.

A bebé é filha de Ana Tão, 28 anos, tipo de sangue ARh negativo, e de Luís Marques, 31 anos, ARh positivo. A diferença entre ambos é que os glóbulos vermelhos dele possuem uma proteína chamada RhD, que não existe no sangue de Ana. Se o sangue de Diana fosse do tipo Rh negativo, como o da mãe, não haveria qualquer problema. Mas Diana herdou o sangue do pai.

Durante a gravidez, o sangue do feto atravessou a placenta para a circulação da mãe. «Acontece em 75 por cento dos casos», diz a obstetra Lisa Ferreira Vicente, do serviço de Medicina Materno-Fetal da Maternidade Alfredo da Costa, em Lisboa. Bastam 0,1 mililitros de sangue RHD+ para iniciar a incompatibilidade. O organismo de Ana detectou a presença de um elemento estranho, a proteína RhD, e sentiu-se obrigado a reagir. O sistema imunitário da grávida criou anticorpos de defesa e foi reforçando as suas munições até garantir um exército capaz de atravessar a placenta e chegar ao sistema circulatório do feto. O resultado do ataque destes anticorpos, lento mas concertado, nunca afecta a mãe.

Mas pode criar várias perturbações ao bebé, mesmo antes de nascer. Os médicos conhecem bem o problema. Chamam-lhe eritoblastose fetal ou neonatal ou, mais simplesmente, Doença Hemolítica do feto ou do recém-nascido. Diana sofreu icterícia e anemia após o nascimento. Nos casos mais graves, a doença pode levar à morte do feto ou assumir a forma de insuficiência cardíaca no bebé.

Os riscos existem em qualquer gravidez resultante do cruzamento de um tipo de sangue Rh negativo da parte da mulher com o factor positivo do progenitor masculino. A probabilidade de o bebé herdar o sangue do pai é de 75 por cento. Mas casos como o de Ana Tão, que teve problemas com o primeiro filho, são muito raros. Acontece uma vez em cada cem.

Regra geral, os anticorpos aparecem tardiamente durante a primeira gravidez, não chegando a causar problemas. Ficam, no entanto, memorizados no organismo da mãe, prontos para reaparecer a cada novo contacto sanguíneo. Por isso, é normalmente na segunda gravidez que surgem anticorpos com força suficiente para atravessar a placenta e entrar no sistema circulatório do feto para destruir os glóbulos vermelhos.

Prevenir é o melhor remédio A medicina conhece registos grosseiros de incompatibilidade sanguínea entre uma mãe e o seu filho desde o século XVII. O problema originou abortos e mortes à nascença durante séculos. Mas só a partir da década de 60, já no século XX, a prevenção entrou na rotina dos médicos. Sob a forma de administração de imunoglobulinas anti-D à mãe, com o objectivo de destruir e apagar a memória dos anticorpos no organismo da mulher.

Com uma simples injecção intramuscular evitam-se complicações graves. E isto pode até ser feito antes do nascimento do bebé, à 28ª semana. Foi assim com Luísa Rodrigues, de 32 anos. Portadora de sangue do tipo Rh negativo, Luísa teve uma filha que se revelou Rh positiva, em 2003. «Avisei o médico do tipo de sangue do pai. Mas ele descansou-me muito.

Disse que hoje em dia já não era uma questão grave», conta. Luísa levou uma injecção profiláctica à 28ª semana e quando a filha Marta nasceu em Coimbra, em Junho, recebeu uma nova dose de imunoglobulinas. «A indicação do meu tipo de sangue estava assinalada a vermelho na cédula da grávida. Quando a Marta nasceu e viram que a bebé era RH positiva deram-me a injecção no dia seguinte», diz.

O caso de Luísa não levantou grandes dúvidas aos médicos. Contudo, a profilaxia antes do nascimento exige uma avaliação cuidada. Se a mãe já possui anticorpos, a administração das imunoglobulinas pode fortalecê-los e acelerar todo o processo.

Para determinar o momento e a pertinência da profilaxia existe um exame específico. Chama-se Teste de Coombs Indirecto, pode ser feito variadas vezes durante os nove meses de gestação, e tem como objectivo verificar se houve trocas de sangue entre a mãe e o feto. Na posse dessa informação, os médicos registam a presença de anticorpos no organismo da mãe e avaliam a sua capacidade de afectar o bebé.

Ana Tão estava grávida de 20 semanas quando ficou claro que os seus anticorpos poderiam prejudicar o desenvolvimento da Diana. Estava imunizada, já não poderia receber a injecção da 28ª semana. Passou a ser seguida na maternidade quinzenalmente. Através de um ecodoppler (uma ecografia) da artéria cerebral do feto, os médicos conseguiam perceber o grau de anemia de Diana e avaliar os riscos e a necessidade de provocar o parto e acelerar o seu nascimento.


Comentar

Código de segurança
Actualizar

Editorial.

editorial-311

alt

Advento diferente

A sedução começa cada vez mais cedo através de montras, anúncios e catálogos. Barbies voadoras, robôs transformáveis, megas garagens,...

Consultório

"O meu filho, que fez recentemente quatro anos, vive intensamente esta altura do ano. Ainda acredita no Pai Natal e acha que é ele quem lhe traz as prendas. Ainda...

Leia Mais