Alunos decidem onde gastar verbas das escolas

alt

Os alunos de 3.¬ļ ciclo e secund√°rio dos estabelecimentos de ensino p√ļblico v√£o decidir como aplicar as verbas do Or√ßamento Participativo das Escolas (OPE) - com um valor m√≠nimo de 500 euros por estabelecimento - uma medida que visa incentivar a capacidade de tomar decis√Ķes, compreender o funcionamento das institui√ß√Ķes democr√°ticas e apelar ao esp√≠rito de participa√ß√£o.

O arranque simbólico da iniciativa é hoje na Escola Secundária Dr. Joaquim Gomes Ferreira, em Vila Nova de Gaia, com a presença do ministro da Educação, Tiago Brandão da Educação, que vai moderar o debate.


At√© mar√ßo esta iniciativa envolver√° mais de 1100 escolas e cerca de 700 mil alunos do 3.¬ļ ciclo e ensino secund√°rio e a proposta vencedora de cada escola deve ser executada pela dire√ß√£o do estabelecimento ou agrupamento at√© ao final do ano civil em que foi votada, No final do primeiro ano de aplica√ß√£o ser√° realizada uma auditoria, numa amostra de escolas, pela Inspe√ß√£o-Geral da Educa√ß√£o e Ci√™ncia, com o intuito de avaliar o impacto da medida.


Leia também:

Indisciplina nas salas de aula 

petição contra as mochilas pesadas

Crianças podem viajar grátis em Lisboa

m:


Comentar

Código de segurança
Actualizar

Editorial.

Três notas

alt

Setembro é mês de regressar às aulas, mas também de retomar rotinas, reorganizar horários, cortar o cabelo, destralhar a casa, trocar...

Consultório

 "O meu filho, que fez recentemente quatro anos, vive intensamente esta altura do ano. Ainda acredita no Pai Natal e acha que √© ele quem lhe traz as prendas. Ainda...

Leia Mais